Alberto Mussa

Alberto Mussa nasceu no Rio de Janeiro, em 1961. Sua ficção abarca o conto e o romance, com destaque para o Compêndio Mítico do Rio de Janeiro, série de cinco novelas policiais, uma para cada século da história carioca. Recriou a mitologia dos antigos tupinambás; traduziu a poesia árabe pré-islâmica; escreveu, com Luiz Antônio Simas, Sambas de Enredo: História e Arte, uma história do samba de enredo; e organizou, com Stéphane Chao, o Atlas Universal do Conto. Entre outras distinções, ganhou os prêmios Casa de Las Américas, o de Ficção, da Academia Brasileira de Letras, o Machado de Assis (duas vezes), da Biblioteca Nacional, e o da APCA (também duas vezes). Sua obra está publicada em diversos países.