A MAQUINA DO ODIO: NOTAS DE UMA REPORTER SOBRE FAKE NEWS E VIOLENCIA DIGITAL - 1ªED.(2020) - Patricia Campos Mello - Livro

A MAQUINA DO ODIO: NOTAS DE UMA REPORTER SOBRE FAKE NEWS E VIOLENCIA DIGITAL - 1ªED.(2020)

Autor: Patricia Campos Mello
Editora: Companhia das Letras

Postagem: 1 dia útil

De: R$ 39,90

Por: R$ 33,92

em até 3x sem juros

Entrega = postagem + transporte, pesquise para seu CEP:

Sinopse

Por que as sociedades alimentaram uma relação tão esquisita com a vagina ao longo dos séculos? Por que a menstruação é um tema apagado de nossa cultura quando costumava ser algo sagrado para os povos ancestrais? A origem do mundo escancara interditos e desafia mitos e tabus. Um livro genial, catártico e absolutamente necessário.

Uma das maiores jornalistas da atualidade relata como as redes sociais vêm sendo manipuladas por líderes populistas.



Dias antes do segundo turno da eleição de 2018, Patrícia Campos Mello publicou a primeira de uma série de reportagens sobre o financiamento de disparos em massa no WhatsApp e em redes de disseminação de notícias falsas, na maior parte das vezes em benefício do então candidato Jair Bolsonaro. Desde então, a repórter tornou-se alvo de uma violenta campanha de difamação e intimidação estimulada pelo chamado gabinete do ódio e por suas milícias digitais.

Em A máquina do ódio, Campos Mello discute de que forma as redes sociais vêm sendo manipuladas por líderes populistas e como as campanhas de difamação funcionam qual uma censura, agora terceirizada para exércitos de trolls patrióticos repercutidos por robôs no Twitter, Facebook, Instagram e WhatsApp — investidas que têm nas jornalistas mulheres suas vítimas preferenciais. Os bastidores de reportagens da jornalista e os ataques de que foi vítima servem de moldura para um quadro mais amplo sobre a liberdade de imprensa no Brasil e no mundo, numa prosa ao mesmo tempo pessoal e objetiva.

Campos Mello acompanhou a utilização crescente das redes sociais nas eleições internacionais que cobriu: nos Estados Unidos, em 2008, 2012 e 2016; na Índia, em 2014 e 2019. À experiência de observadora do avanço dos tecnopopulistas e seu “manual para acabar com a mídia crítica”, somou-se a de protagonista involuntária no front de uma guerra contra a verdade. Relato envolvente de um dos capítulos mais turbulentos de nossa história recente, A máquina do ódio é também um manifesto em defesa da informação.



“Graças ao trabalho desbravador de algumas jornalistas, nós pudemos descobrir e entender como a internet contribuiu para propagar movimentos contrários à democracia. Dentre elas, destacam-se a indiana Rana Ayyub, a britânica Carole Cadwalladr e a brasileira Patrícia Campos Mello. É simples: se você quer entender os desafios atuais para a democracia no mundo, você precisa ler este livro.” — Jason Stanley, autor de “Como funciona o fascismo



“Para entender a natureza dos riscos que ameaçam a democracia brasileira hoje, é preciso seguir o rastro da conspiração digital que simula movimentos de apoio popular e fabrica ódio contra pessoas e instituições. O livro de Patrícia Campos Mello desvenda esse mundo das sombras com um texto envolvente e esclarecedor. Recomendo fortemente a leitura. E quanto antes, melhor.” — Miriam Leitão

Dados

ISBN: 9788535933628

Segmento Específico: Jornalismo

Idioma: Português

Encadernação: Brochura

Formato: 11,5 x 18

Páginas: 296

Ano de edição: 2020

Edição:

Mais vendidos em Humanidades

O ESCANDALO DO SECULO - 1ªED.(2020)

De: R$ 59,90

Por: R$ 50,92